top of page
  • Foto do escritorFábia Richter

Sobre Envelhecer, sem ficar Velho

ARTIGO DE OPINIÃO

Fábia Richter – Enfermeira, Gestora.


Quem me acompanha nas redes sociais, no Tua Saúde ou em palestras sabe que eu tenho

defendido, de verdade, uma visão ampliada sobre saúde. Uma pessoa adoece por vários

motivos e a saúde vem por tantos outros. Estudos científicos já provaram que quem ora

adoece menos, quem é alfabetizado adoece menos. E quem beija e abraça alguém que ama

verdadeiramente por mais de 6 segundos vive mais.

 

Estamos com uma população que está vivendo mais, mas está doente. Uma longevidade que

não é plena. Envelhecer com saúde passa também por estar vivo por dentro, feliz e sendo útil

de várias formas. A Organização Mundial da Saúde, através de seu braço panamericano, a

OPAS, identificando como a população das américas tem envelhecido, lançou a Década do

Envelhecimento Saudável, 2021 a 2030. Envelhecimento não pode significar uma crise social,

econômica e de saúde. É preciso criar uma cultura e uma preparação para termos pessoas

idosas saudáveis, independentes e uteis a sociedade, produzindo e ajudando a desenvolver os meios onde estão inseridos.

 

Mas esse é o desafio! Envelhecer deveria ser uma meta de cada pessoa, com a consciência de como ela quer chegar na velhice e de como quer que sua família perceba seu envelhecimento. A maioria das pessoas não pensa nisso. Se pensa, acha que está distante e, além disso, acha que nada de ruim irá acontecer consigo. Mas não é assim. Vamos envelhecer e se isso não acontecer é porque morreremos antes disso. Envelhecer com doenças crônicas incapacitantes? Envelhecer sendo chato, obsoleto? Como queremos ser vistos por nossos

familiares?

 

Saúde debilitada, vulnerabilidade social, solidão são características comuns aos idosos. Nosso desafio, especialmente aqui no Rio Grande do Sul, um estado já idoso, e agora após as alterações climáticas, é prosperar em qualquer idade. Ou seja, envelhecer produzindo,

trabalhando e contribuindo com dignidade, bem-estar e agregando VIDA aos anos e não

somente tendo anos de vida.


ASSISTA A ENTREVISTA COMPLETA SOBRE O TEMA NO PROGRAMA REDAÇÃO SULTV:


Fábia Richter – Enfermeira, Gestora.

Apresentadora do Tua Saúde e Health Mentor

Comments


bottom of page